Conecte-se conosco

Notícias de Rondônia

Caminhoneiro é Perseguido por Mais de 100 Km pela PM

Um homem de 27 anos deu trabalho à Polícia Militar (PM) de Cacoal (RO), no último fim de semana. Em um caminhão, o suspeito fugiu de uma perseguição policial por mais de 100 quilômetros. O acompanhamento começou em Cacoal e só terminou na saída de Ji-Paraná (RO) […]

Publicados

em

Um homem de 27 anos deu trabalho à Polícia Militar (PM) de Cacoal (RO), no último fim de semana. Em um caminhão, o suspeito fugiu de uma perseguição policial por mais de 100 quilômetros. O acompanhamento começou em Cacoal e só terminou na saída de Ji-Paraná (RO), quando ele foi capturado e preso.

Para que o suspeito parasse, os policiais atiraram nos pneus do veículo. Mesmo assim, o rapaz continuou a fuga. Com ele estava um jovem, de 26 anos, que também foi conduzido à Delegacia de Polícia Civil (DPC).

Na madrugada do último domingo (29), os policiais foram informados de que um caminhoneiro havia batido em um carro e uma caminhonete que estavam estacionados em frente a uma casa de show de Cacoal, danificando os veículos.

No momento em que os proprietários dos carros pediram para que o condutor parasse, pois chamariam a PM, foram ameaçados com uma faca.

Caminhoneiro é Perseguido por Mais de 100 Km pela PM

As vítimas, então, passaram a acompanhar o caminhoneiro que seguiu sentido Presidente Médici (RO) pela BR-364 e a dar informações aos policiais sobre a localização. Já na saída de Cacoal, a PM passou a fazer o acompanhamento ao veículo em fuga, acionando luzes e alertas sonoras para que parasse. Porém, nenhuma das ordens foram obedecidas.

Com isso, os militares de Cacoal pediram apoio aos policiais de Médici para que fosse realizado um bloqueio na rodovia. Entretanto, o condutor ‘furou’ a barreira policial.

Sem sucesso na captura, foram acionados policiais de Ji-Paraná no intuito de realizarem outro bloqueio na entrada da cidade. Conduto, o suspeito não respeitou a ordem de parada outra vez.

Sem encontrarem nova solução, a PM atirou nos pneus do veículo. Apesar de a borracha se soltar da roda após os disparos, o homem ainda persistiu na fuga por alguns quilômetros, até ser rendido e preso na saída da cidade de Ji-Paraná.

Enquanto era rendido, o suspeito se mostrou nervoso. Devido a isso, foi necessária a utilização de algemas. O caminhão ficou apreendido no Departamento Estadual de Trânsito (DETRAN) de Ji-Paraná. A ocorrência foi registrada como dano, depredação e direção perigosa. Ao todo, participaram da ação seis viaturas da PM e 13 policiais militares.

G1 > Editado por Divulga RO