Conecte-se conosco

Porto Velho

Casal é Preso ao Tentar se Livrar de Porções de Crack em Vaso Sanitário

Um casal foi preso por tráfico de drogas na Zona Leste de Porto Velho. Os suspeitos tentaram se livrar de sete porções de crack jogando a droga em um vaso sanitário.

Publicado

em

Um casal foi preso por tráfico de drogas na Zona Leste de Porto Velho. Os suspeitos tentaram se livrar de sete porções de crack jogando a droga em um vaso sanitário. Com eles, a Polícia Militar (PM) local também encontrou munições de arma de fogo. O caso aconteceu na noite da última sexta-feira (18).

Conforme o boletim de ocorrência, policiais estavam fazendo patrulhamento de rotina na Avenida Pinheiro Machado, bairro Esperança da Comunidade – região que, segundo a PM, é conhecida das autoridades por abrigar um ponto de venda de drogas.

Em dado momento, a PM viu que um rapaz corre ao avistar o carro da guarnição e se aproveitar da falta de iluminação pública do local para pular o muro de uma casa.

Para tentar localizar o suspeito, a PM perguntou à dona da residência, uma mulher de 26 anos, se alguém tinha entrado. Bastante nervosa, ela negou o fato, o que não convenceu as autoridades.

Casal é Preso ao Tentar se Livrar de Porções de Crack em Vaso Sanitário

Após terem a permissão da mulher para uma busca, os policiais encontraram o mesmo suspeito dentro da residência. Questionada novamente, a mulher apresentou duas versões à polícia.

A primeira era de que ela não conhecia o suspeito e que, possivelmente, ele teria invadido sua casa. Depois, desmentiu dizendo que era sim um conhecido seu.

Após uma vasculha pelo local, ainda segundo o boletim, os policiais encontraram sete porções de crack que não desceram dentro de um vaso sanitário. Foram encontradas ainda três munições intactas de arma de fogo dentro em um lixo.

Como justificativa, o homem disse aos policiais que as porções de drogas eram para comércio e as munições seriam trocadas por mais drogas. O casal recebeu voz de prisão por tráfico de entorpecentes e posse ilegal de arma. Eles foram encaminhados à Central de Flagrantes da cidade.

G1 > Editado por Divulga RO