Conecte-se conosco

Notícias de Rondônia

Família é Amarrada e feita Refém por mais de 1h Durante Assalto em Residência

“Acordei com uma arma na minha cabeça e não sabia o que estava acontecendo”, lembra uma empresária de 48 anos. Ela e a família foram rendidas em casa por dois homens armados. O crime foi registrado na noite de terça-feira (22). As vítimas foram amarradas e mantidas reféns […]

Publicados

em

Acordei com uma arma na minha cabeça e não sabia o que estava acontecendo”, lembra uma empresária de 48 anos. Ela e a família foram rendidas em casa por dois homens armados. O crime foi registrado na noite de terça-feira (22) em Vilhena (RO). As vítimas foram amarradas e mantidas reféns por mais de 1h. O objetivo principal dos criminosos era o roubo de uma caminhonete. Uma vizinha chamou a Polícia Militar (PM) e quatro ladrões foram presos.

A mulher contou que o filho de 16 anos conversava com dois amigos na frente de casa. Os ladrões chegaram a pé e renderam o grupo, perguntando quem era o dono da casa. Eles entraram na residência, onde estava a empresária, o marido dela, de 54 anos e a filha de 14 anos.

A coisa mais horrível do mundo é ver alguém com uma arma na cabeça do seu filho. A gente se sente uma formiguinha, impotente”, lamenta a mulher.

Os criminosos estavam com um revólver calibre 38 e uma arma tipo espingarda, cano serrado, calibre 28. Eles amarraram a família e os colocaram dentro do banheiro. Depois disso, os ladrões fizeram contato com outro integrante da quadrilha, para que fosse buscar a caminhonete da família.

Família é Amarrada e feita Refém por mais de 1h Durante Assalto em Residência

Pouco tempo depois, um homem de 27 anos chegou a casa e levou o veículo. Uma vizinha desconfiou da situação e chamou a PM. Quando os militares chegaram, viram os dois homens fugindo pelos fundos da casa, pulando o muro.

Os polícias fizeram um cerco e prenderam um rapaz de 18 anos, em um terreno baldio, próximo do local do crime. Os policias encontraram perto dele um revólver calibre 38, com cinco munições intactas. O jovem teria jogado a arma no chão, no momento da fuga.

Nas roupas que o suspeito usava, os militares encontraram a quantia de R$ 5 mil, um celular, joias e várias chaves, que pertenciam à família.

Outro suspeito, também de 18 anos, foi encontrado na Avenida Curitiba. Com ele foi localizado R$ 389, um canivete, seis munições intactas calibre 38, uma máscara de cor preta utilizada no roubo e um par de luvas.

Após a prisão dos dois suspeitos, a PM pediu apoio da PM de Comodoro (MT), pois a quadrilha pretendia levar a caminhonete para Vila Bela da Santíssima Trindade (MT). Uma barreira foi realizada na BR-364 e a caminhonete localizada na rodovia. O homem de 27 anos ignorou as ordens de parada da polícia e jogou o veículo contra militares.

Policiais atiraram contra a caminhonete e o suspeito se jogou do veículo e, em seguida, foi preso. Um quarto suspeito de envolvimento no crime, de 24 anos, foi preso na Rua Belo Horizonte. Ele estava em um carro de passeio.

Segundo informações colhidas pela PM, o homem de 24 anos tinha a função de levar os dois suspeitos de 18 anos até o local do roubo e buscá-los após a execução do crime.

Os quatro homens foram flagranteados por roubo e associação criminosa. De acordo com a Polícia Civil, a quadrilha é investigada por envolvimento em outros roubos na cidade. O caso continua em investigação, pois há a suspeita de mais pessoas envolvidas nesse crime.

Eu cheguei a passar mal durante o assalto. A gente trabalha tanto e não pode ter nada na vida, que alguém vem tirar. Agora fica o medo”, conclui a mulher.

G1 > Editado por Divulga RO