Conecte-se conosco

Rondônia

Funcionários Terceirizados do Governo de RO Dizem que Não Recebem Salários há 6 Meses

Trabalhadores prestam serviços de segurança no Tudo Aqui em Porto Velho. Governo diz que depende de notas fiscais da empresa terceirizada para efetuar o pagamento.

Publicado

em

Funcionários que prestam serviços de segurança no Tudo Aqui da avenida Sete de Setembro em Porto Velho, procuraram o jornal esta semana para reclamar do atraso nos pagamentos dos salários referente aos meses de novembro e dezembro de 2018, janeiro, fevereiro, março e abril de 2019.

Segundo eles, oito seguranças estão há seis meses sem salário. Eles afirmam que já conversaram com os representantes da empresa, mas o problema não foi resolvido.

Eles falam que vão pagar, mas não pagam. Estamos passando dificuldades, está muito difícil a situação“, diz um dos trabalhadores que preferiu não se identificar.

Outro funcionário explicou que as contas fixas estão se acumulando e está cada vez mais complicado organizar o orçamento familiar. “O dinheiro não entra, mas as contas chegam todo mês“, afirma.

Funcionários Terceirizados do Governo de RO Dizem que Não Recebem Salários há 6 Meses

O que diz o Governo?

A Secretaria de Estado da Assistência e do Desenvolvimento Social (Seas), informou que o pagamento está em dia até outubro de 2018.

Com relação aos pagamentos dos meses de novembro e dezembro, a Seas afirmou que serão efetuados até o dia 12 de abril, pois a secretaria dependia das notas fiscais que são emitidas pela empresa. Já aos meses de 2019, a Secretaria também diz que está dependendo das notas.

De acordo com o diretor administrativo e financeiro da secretaria, a empresa G. J. Seg. Vigilância Ltda, ME firmou um contrato com o Governo de Rondônia em 2016, aditivado até janeiro de 2020, e outro firmado em 2017, aditivado até agosto de 2019.

Veja à Íntegra da Nota Divulgada pela Empresa G. J. Seg. Vigilância Ltda, ME:

Em nota, informamos que a empresa G. J. Seg. Vigilância Ltda, ME, apresentou as notas fiscais referentes aos meses de novembro e dezembro/2018 na SEAS, a qual até a presente data não foi liquidada, situação que pode ser consultada no SEI pelo no do processo 0026.187219/2018-53, estas encontram na CGE-GAP para análise e parecer quanto ao pagamento das faturas. Isto, a empresa ainda não recebeu.

Quanto ao pagamento dos funcionários da unidade do Tudo Aqui de Porto Velho, informamos que foram quitadas até o mês de janeiro/2019 na data de 21.03.2019.

Estamos aguardando a análise e o pagamento pela Secretaria das faturas informadas e proceder com a regularização do pagamento dos meses de fevereiro e março/2019.

Por fim, prezamos pela transparência e seriedade na prestação de nossos serviços, estamos cientes da situação de regularização por parte da Secretaria de Estado da Assistência e Desenvolvimentos Social – SEAS, e aguardamos conclusão para sanar as pendências junto aos nossos funcionários.

G1 > Editado por Divulga RO