Conecte-se conosco

Notícias de Rondônia

Suspeita de Fraude em Medidor de Energia será Avaliada pelo IPEM-RO

Em Rondônia, as suspeitas de fraude e mau funcionamento de medidores de energia elétrica serão avaliadas pelo Instituto de Pesos e Medidas do Estado (IPEMRO). O serviço é resultado do acordo firmado na última quinta-feira (3) entre a Eletrobras Distribuição Rondônia e o Governo do […]

Publicados

em

Em Rondônia, as suspeitas de fraude e mau funcionamento de medidores de energia elétrica serão avaliadas pelo Instituto de Pesos e Medidas do Estado (IPEMRO). O serviço é resultado do acordo firmado na última quinta-feira (3) entre a Eletrobras Distribuição Rondônia e o Governo do Estado. Segundo a concessionária, as avaliações darão maior credibilidade aos laudos apresentados pela empresa, inclusive em ações judiciais.

Luiz Marcelo, diretor-presidente da Eletrobras, explica que quando houver suspeita de fraude no medidor ou o aparelho não estiver funcionando corretamente, o Ipem-RO irá fazer a inspeção e dizer se está ou não funcionando de maneira correta. “O laudo, que terá a chancela do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro), tem maior credibilidade“, disse.

Edvaldo Soares, presidente do Ipem-RO, diz que a relação do Instituto é com a Eletrobras, logo a aferição do medidor de energia é feito sob demanda da empresa de energia e não do usuário.

É a concessionária de energia que manda o medidor para o Ipem. Já recebemos uma remessa de medidores, e a equipe responsável já está trabalhando no laboratório. São seis profissionais que, de início, se dedicarão na análise de 40 a 50 medidores“, salienta Edvaldo.

Em nota à imprensa, a Eletrobras explica que, com acompanhamento e apoio do Ministério Público do Estado (MP-RO), o Ipem recebeu recentemente a homologação do seu laboratório junto ao Inmetro, para realização de análise técnica e metrológica dos medidores suspeitos de adulterações ou violações. Este procedimento, segundo a empresa, atesta ao órgão a capacidade de emitir laudos confiáveis sobre o assunto.

Suspeita de Fraude em Medidor de Energia será Avaliada pelo IPEM-RO

Antes do Acordo

Até o ano de 2011, a Eletrobras possuía laboratório próprio e realizava análise dos medidores em casos de suspeita de fraude e adulteração ou a pedido do consumidor, para análise do funcionamento, sempre que a medição gerava dúvida quanto ao correto faturamento. No entanto, em processos judiciais, os laudos dos medidores feitos pela distribuidora não eram aceitos pela Justiça de Rondônia, sob alegação de serem realizados somente por uma das partes.

No período de 2012 a 2014, a Eletrobras contratou laboratórios acreditados pelo Inmetro. Porém, como os laboratórios não eram localizados no estado, e a Justiça rondoniense também não reconhecia os resultados de avaliação. “Agora, essa está pacificada“, avalia o presidente da Eletrobras.

G1
Editado por Divulga RO