Conecte-se conosco

Notícias de Rondônia

Três Mulheres são Presas com 30 Quilos de Maconha na Rodoviária

Três mulheres foram presas em flagrante por agentes da Polícia Federal (PF) na tarde desta sexta-feira (20), na rodoviária de Porto Velho. O motivo foi a apreensão de 30 quilos de skunk, um tipo de maconha mais agressiva e cara, que estavam nas bagagens das suspeitas. A droga veio […]

Publicados

em

Três mulheres foram presas em flagrante por agentes da Polícia Federal (PF) na tarde desta sexta-feira (20), na rodoviária de Porto Velho. O motivo foi a apreensão de 30 quilos de skunk, um tipo de maconha mais agressiva e cara, que estavam nas bagagens das suspeitas. A droga veio de Manaus. O objetivo era distribuir as substâncias por outros estados do Brasil.

O flagrante aconteceu durante fiscalização de rotina da corporação no local, em conjunto com a Delegacia de Repressão a Drogas (DRE).

Após coleta de depoimento de passageiros, os policiais identificaram três mulheres que carregavam os entorpecentes. Duas já tinham despachado as bagagens. A outra acabou abandonando uma das malas, quando foram encontradas as drogas. Ela foi encontrada em um hotel, na Avenida Rio Madeira.

Três Mulheres são Presas com 30 Quilos de Maconha na Rodoviária

Após a prisão e a captura da última, confessaram o crime. Em depoimento à polícia, elas informaram que receberam as malas já prontas para transporte em Manaus e estavam de passagem por Porto Velho. Em seguida, embarcariam em voo comercial para outros estados do país.

Para realizarem o trabalho de transportar a droga, as suspeitas receberiam valores entre R$ 2,5 mil e R$ 4 mil.

Elas vão responder por crimes de tráfico interestadual de drogas e associação ao tráfico. Caso sejam condenadas, podem pegar de 13 a 40 anos de reclusão. Ficam, ainda, sujeitas ao pagamento de multa.

Após a abordagem, as mulheres passaram por exame de corpo de delito no Instituto Médico Legal (IML) da cidade e, em seguida, encaminhadas para o Presídio Provisório Feminino, onde permanecem à disposição da Justiça.

G1 > Editado por Divulga RO